CNBB e CRB inauguram Núcleo Lux Mundi para proteção de menores

O núcleo que irá auxiliar a Igreja no Brasil no combate à violência sexual contra crianças, adolescentes e vulneráveis foi inaugurado pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil e Conferência dos Religiosos do Brasil, na terça-feira, 8 de dezembro, Solenidade da Imaculada Conceição.
09/12/2020 09:12
3 minutos de leitura
CNBB e CRB inauguram Núcleo Lux Mundi para proteção de menores

Vatican News

A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil e a Conferência dos Religiosos do Brasil inaugurou na terça-feira, 8,  o Núcleo "Lux Mundi", escritório que vai auxiliar na organização dos trabalhos de instalação das comissões diocesanas para a proteção de crianças, adolescentes e pessoas vulneráveis nas estruturas pastorais do Igreja Católica do Brasil, dioceses e congregações religiosas, conforme solicitado pelo Papa Francisco em sua Carta Apostólica em forma de Motu Proprio Vos Estis Lux Mundi ("Vós sois a luz do mundo"). A informação é do site da Conferência Episcopal.

Na solenidade de inauguração esteve presente Dom Joel Portella Amado, bispo auxiliar do Rio de Janeiro e secretário geral dos bispos que, abençoando as novas instalações de Brasília, disse esperar que “a iniciativa brilhe, como o candeeiro, e que sua luz, pela união dos esforços, ganhe força no combate à toda forma de violência contra crianças, adolescentes e vulneráveis. A luz pela solidariedade ganhará força”.

A presidente da Conferência dos Religiosos do Brasil, Irmã Maria Inês Ribeiro, destacou o compromisso da entidade que há mais de 12 anos atua no combate às causas da violência contra crianças, adolescentes e pessoas vulneráveis no âmbito religioso à luz do magistério da Igreja. Segundo ela, o Núcleo “Lux Mundi” terá como missão trabalhar em três frentes: prevenção, proteção e orientação às dioceses, congregações e organismos religiosos na implementação do Motu Proprio.

O centro "Lux Mundi", cujo nome foi sugerido precisamente por Dom Walmor Oliveira de Azevedo, colaborará com a Igreja no Brasil para internalizar as medidas de proteção propostas pelo Motu Proprio e promoverá atividades de educação e formação, também sistematizando práticas que surgirem nas dioceses.

Vatican News Service - RB

Fonte: http://www.vaticannews.va/pt

Notícias Relacionadas

Inicia vacinação no Vaticano
Internacional

Inicia vacinação no Vaticano

13/01/2021
1 minuto de leitura