Situação da ciência no Brasil é lamentável, afirma membro da Pontifícia Academia das Ciências

14 de setembro de 2018 às 14:10
Situação da ciência no Brasil é lamentável, afirma membro da Pontifícia Academia das Ciências


Professor Vanderlei Bagnato esteve em Roma para participar de um seminário sobre segurança alimentar no Vaticano.

Bianca Fraccalvieri - Cidade do Vaticano

A gente se sente incapaz, é uma sensação muito dolorosa quando você desenhou um plano para contribuir e você começa a ver que está incapaz, que está contribuindo mais para o mundo do que para o próprio país. Isso é lamentável, mas é o que vivemos hoje.

O professor Vanderlei Bagnato não esconde a emoção ao comentar os rumos da ciência hoje no Brasil. O físico leciona na USP em São Carlos e é membro e cônsul da Pontifícia Academia das Ciências do Vaticano – o único cientista brasileiro.

Ele esteve em Roma esta semana para participar de um seminário sobre segurança alimentar no Vaticano, nos dias 12 e 13 de setembro, e concedeu uma entrevista ao Vatican News.

Entre outros temas, ele comentou o incêndio no Museu Nacional e os investimentos na área de educação:

“Os nossos líderes são nulos no real conhecimento da ciência”, afirma o professor.