Egito estuda promover a Rota da Sagrada Família

18 de maio de 2017 às 11:51
Egito estuda promover a Rota da Sagrada Família


A fim de promover o turismo religioso, o governo egípcio e a Santa Sé estudam a possibilidade de oferecer aos peregrinos a “Rota da Sagrada Família”, referindo-se ao caminho que percorreram José e Maria de Belém ao Egito para salvar o Menino Jesus do rei Herodes.

Segundo informaram meios de comunicação egípcios, o ministro de Turismo deste país, Yehia Rashed, viajou a Roma na semana passada para se reunir com autoridades vaticanas para discutir a possibilidade de promover essa rota.

A imprensa egípcia, citando um comunicado divulgado pelo Ministério, assinalou que o objetivo é atrair um grande número de turistas do mundo inteiro.

Rashed disse que a sua viagem a Roma é o resultado da visita que o Papa Francisco fez ao Egito nos dias 28 e 29 de abril e foi chamada de “histórica”.

O capítulo 2 do Evangelho de São Mateus relata que depois que os Magos foram embora de Belém por um caminho diferente – a fim de evitar se encontrar com Herodes –, “um anjo do Senhor apareceu em sonhos a José e disse: Levanta-te, toma o menino e sua mãe e foge para o Egito; fica lá até que eu te avise, porque Herodes vai procurar o menino para matá-lo”.

José “se levantou durante a noite, tomou o menino e sua mãe e partiu para o Egito. Ali permaneceu até a morte de Herodes”.